Notícias e Eventos | 
Notícias
Notícias
LIFE Habitat Lince Abutre realiza Workshop sobre Campos de Alimentação para Aves Necrófagas
29 Maio 2013


Com o objectivo de aumentar o alimento disponível para o abutre-preto no Sudeste de Portugal, o projecto LIFE Habitat Lince Abutre propôs-se a criar uma rede de campos de alimentação para aves necrófagas nesta região do país. Agora que a sua implementação está concluída, com um total de 10 campos de alimentação construídos nas ZPE Mourão-Moura-Barrancos e ZPE Vale do Guadiana, o projecto promoveu o workshop “Campos de Alimentação para Aves Necrófagas”, dividido em duas componentes. A primeira, de ordem técnica, decorreu nos dias 16 e 17 de Maio, na Adega da Mantana, em Moura, onde diversos especialistas de administrações públicas, especialistas e ONGAs de Portugal e Espanha expuseram a aplicação da legislação europeia sobre alimentação de espécies necrófagas ameaçadas, assim como as últimas investigações sobre gestão da alimentação destas espécies, para a sua conservação. A segunda, que teve lugar na Herdade dos Lameirões, em Safara, foi alargada ao público em geral e, em particular, a todos os produtores pecuários das explorações fornecedoras desta rede de campos de alimentação, cujo papel é fundamental para o seu funcionamento.


Workshop técnico, 16 e 17 de Maio, Adega da Mantana, Moura
Este encontro, que reuniu 50 técnicos de Portugal e Espanha, teve como objectivo dar a conhecer aos vários participantes o trabalho desenvolvido por entidades e especialistas portugueses e espanhóis na conservação de aves necrófagas, designadamente no que se refere à gestão de campos de alimentação para estas espécies.
O primeiro dia de workshop consistiu numa sessão de curtas palestras onde se partilharam experiências e conhecimentos relacionados com a alimentação suplementar das aves necrófagas (livro de resumos disponível aqui). Na manhã do dia seguinte, o grupo reuniu-se numa mesa redonda para discussão de aspectos relacionados com a implementação e o funcionamento dos campos de alimentação, nomeadamente no que respeita à actual situação da legislação em Portugal sobre alimentação de aves necrófagas e o impacto imediato que terá a aplicação da nova legislação comunitária nesta matéria, usufruindo da experiência e exemplos apresentados no dia anterior e beneficiando da presença das autoridades nacionais com responsabilidades ao nível do licenciamento dos campos de alimentação em Portugal, o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV). Já durante a tarde, os participantes foram convidados a visitar o campo de alimentação privado construído no âmbito do LIFE Habitat Lince Abutre na herdade da Contenda, também em Moura, onde assistiram à demonstração de um fornecimento pelo veterinário do projecto.

Com este encontro espera-se ter contribuído para o aumento do conhecimento, debate da problemática e melhoria das condições de alimentação das aves necrófagas, e em particular do abutre-preto, com vista à sua conservação em Portugal.
 






 




 O projecto LIFE Habitat Lince Abutre agradece à Câmara Municipal de Moura pela cedência de um espaço na Adega da Mantana para a realização deste importante encontro, bem como à Herdade da Contenda – Empresa Municipal pela visita ao campo de alimentação para aves necrófagas localizado nesta herdade.



Workshop de entrada livre, 24 de Maio, Herdade dos Lameirões, Safara

Para conhecer um pouco sobre este projecto e os seus esforços regionais para melhorar as condições de alimentação do abutre-preto, na manhã do dia 24 de Maio juntaram-se na Herdade dos Lameirões mais de 30 pessoas, entre elas produtores pecuários das explorações fornecedoras da rede de campos de alimentação, proprietários, empresas de observação de aves, habitantes locais e turistas de natureza de diferentes zonas do país.
O workshop teve início com uma apresentação da DRAP Alentejo sobre a Herdade dos Lameirões e as suas diversas parcerias com projectos de conservação da natureza, entre eles, o LIFE Habitat Lince Abutre, que fora então dado a conhecer aos presentes, focando-se a medida de criação de uma rede de campos de alimentação para aves necrófagas (seu objectivo, funcionamento e vantagens) no âmbito dos esforços para a conservação do abutre-preto ao nível regional. No final das apresentações, o projecto LIFE Habitat Lince Abutre ofereceu à DRAP Alentejo um painel identificativo do Centro de Lavagem e Desinfecção de Viaturas da Herdade dos Lameirões, uma infra-estrutura construída por esta direcção regional e que constitui uma mais valia logística para o campo de alimentação construído nesta herdade.
Seguiu-se então a tão aguardada visita ao campo de alimentação comunitário para aves necrófagas da herdade, onde os participantes do workshop puderam assistir à demonstração de um fornecimento pelo veterinário do projecto.

O encontro terminou com um piquenique para observação de aves, não muito longe do campo de alimentação, tendo-se tido a oportunidade de observar milhafres-reais, outra das espécies ameaçadas que oportunamente também beneficia da alimentação suplementar fornecida nos campos de alimentação para aves necrófagas.
 
 
 
 


 
 
 
O projecto LIFE Habitat Lince Abutre agradece ao Centro de Experimentação dos Lameirões e à Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Alentejo pelo apoio na realização deste evento.